Xingatório da Imprensa

domingo, março 15

Fantástico e antigo
A vida de pauteiro do Fantástico não deve andar fácil. Neste domingo, sua revista eletrônica destacou um incrível aparelho, criado na Escola de Engenharia do Instituto Tecnológico de Tóquio, "que emite imagens, sons e cheiro". Ou, nos termos da reportagem, "algo que pode ser chamado de 'cheirovisão'". E o mais sensacional: no futuro "será possível gravar o cheiro de um filme".

Se nós, que estamos vivos, mal conseguimos acreditar, como então reagiria Michael Todd Jr., que em 1960 lançou o filme Scent of mistery, cujo grande atrativo era transmitir, por meio de um processo automático, cheiros relacionados ao que se passava na tela? O nome da criação do sujeito? Smell-O-Vision. Em tradução livre, algo como "cheirovisão".
Xingado por Elpydio 11:15 da tarde

Powered by Blogger

 

Assis Gutenberg e Elpydio Phragoso mostram que a imprensa brasileira não evoluiu muito no último século.

E-mails educados para: assisgutenberg@bol.com.br
elpydiophragoso@yahoo.com

Arquivo Morto
current