Xingatório da Imprensa

segunda-feira, junho 23

Estilística 2
Parece que viraram hábito as aulas de estilo e humor involuntário nas edições dominicais do Jornal do Commercio. Os melhores momentos da matéria "Novo round em defesa das baleias" (A-20):

As imagens dos navios baleeiros e de industrialização da carne dos mamíferos oceânicos serão difundidas mundialmente em tempo real, dando os nomes de políticos, empresários, gourmets, biólogos marinhos etc envolvidos na prática. Haverá emprego de satélites de monitoramento ambiental e metereológicos, canais de mídia em satélites de comunicação etc.

Os estudos de potencial deste mercado esbarraram em alguns detalhes fundamentais: processa-se no mundo uma corrida para o estudo da biologia, a partir dos EUA, e cresce a certeza popular de que o futuro da humanidade encontra-se nas águas dos mares e oceanos; e mais e mais crianças e pré-adolescentes estão influenciando no direcionamento das férias familiares.

Para evitar a captura sangrenta de cetáceos muitas pessoas estão dispostas a sacrifícios, pois vale tudo para salvar a Terra. Se alguns "heróis" tombarem pelo meio da luta o impacto será ainda maior. As imagens das baleias esquartejadas no tombadilho dos navios-fábricas poderão ter um impacto sem precedentes.

A estratégia em implementação visa torpedear a demanda pela carne de baleia. Afinal, a simpática baleia é parente do amoroso golfinho, que é parente do fragilizado boto, todos animais que dão de mamar aos seus filhotes... Na temporada de caça de 2002 os baleeiros noruegueses arpoaram 634 baleias rorcual aliblanco (Balaenoptera acutorostrata), popularmente conhecida como minke-anã.

É tudo uma questão de custo-benefício - destacam os especialistas. Quem perde o que e quanto, e qual a compensação ?. Os noruegueses sentem receio atávico de uma fome em escala nacional na eventualidade de um conflito mundial bloquear as rotas de comércio internacional.

Xingado por Elpydio 11:06 da tarde

No domingo, a Folha Online fez uma operação de sexo no ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Joschka Fischer:

Ministra alemã discute o plano de paz com Síria e Líbano

A ministra das Relações Exteriores, Joschka Fischer, chegou hoje ao Líbano para intensificar o trabalho de paz no Oriente Médio. Na sequência, viaja para a Síria.
[20h27]

Avisada, logo depois, reparou o erro. Ou quase:

Ministro alemã discute o plano de paz com Síria e Líbano
Xingado por Elpydio 1:22 da tarde

quarta-feira, junho 18

O pessoal do Globo anda mesmo às turras com os adjetivos. A resenha do novo disco de Guilherme de Brito, na edição de ontem, sapeca:

O trio carioca - Zé Paulo Becker (violão), Marcello Gonçalves (violão de 7) e Ronaldo do Bandolim - veste com (perdão pelo adjetivo gasto) elegância os sambas.
Xingado por Elpydio 3:28 da manhã

segunda-feira, junho 16

De vez em quando, a brava Hildegard Angel consegue se superar. Hoje, por exemplo, tascou na coluna a seguinte pérola:

O restaurante do Horto abriga lançamento de livros da Editora 7Letras, com presença dos escritores Carlos Süssekind, Anton Tchekov e Clarah Averbuck...

Por favor não culpem o velho Tchekov se, por acaso, ele não puder comparecer.
Xingado por Assis 6:49 da tarde

terça-feira, junho 10

Estilística
O Jornal do Commercio oferece na edição de domingo e segunda-feira uma aula de estilo e de humor involuntário na matéria “Calculadas 60 milhões de mortes” (A-22). Uma seleção dos melhores momentos:

A superpneumonia, apelidada de síndrome respiratória severa, Sars, classificada pelos virologistas de todo o mundo com a mais grave epidemia desde o surgimento da Aids, em 1981, e a primeira do século XXI, teve uma origem prosaica e insuspeitada: animais vivos e saudáveis de granjas e comercializados em feiras livres para consumo humano.

O vírus corona do felino deve ter sido contaminado por genes de um vírus de ave, que por sua vez deve ter sido contaminado por genes de algum vírus de suínos, que por sua vez ....

Agora, os chineses até proibiram a comercialização da civeta, o simpático felino cuja carne os orientais degustam, e a vigilância sanitária do país tenta acabar com a promiscuidade.

Um professor brasileiro, João Toniolo Neto, chefe do projeto Vigilância da Gripe-VigiGripe - e que assessora o Ministério da Saúde -, denuncia que outro vírus da gripe, o Influenza, também estão mutando - de mutante -, e poderá provocar 60 milhões de mortes no mundo, dentro de 5 a 6 anos, no máximo.

Xingado por Elpydio 12:39 da manhã

sábado, junho 7

RIDÍCULO
Última frase da matéria "Os melhores romances da história", no caderno Idéias, do JB:

Curiosamente, Lolita, o livro mais famoso de Nabokov, não foi citado em nenhuma lista.
Xingado por Elpydio 12:46 da manhã

sexta-feira, junho 6

Não vi e não gostei
Doce profissão, a de crítico de cinema. Na edição de hoje do Globo, a entidade Bonequinho sai-se com essa: "A direção de Tom Shadyac ("Patch Adams - O amor contagia") não entusiasma muito. No trailer, Jim Carrey parece que vai arrancar risadas com as costumeiras caretas. Mas enquanto o Bonequinho não tem a chance de esboçar sua reação - a comédia não teve sessão prévia para Bonequinhos e afins no Rio - tenta-se falar da trama, descobrir o que ela promete".

O jeito é apelar aos colegas de fora: "Lá fora, o filme recebeu críticas que falavam em enredo fraco e em comédia para toda a família, com uma pontinha de mensagem redentora no final. Fez uma fortuna nos EUA. Ai, Jesus..." Ai, Jesus.
Xingado por Elpydio 11:43 da manhã

quarta-feira, junho 4

Última homenagem
O Jornal do Brasil despede-se do correspondente Araújo Netto, que trabalhou 40 anos na casa, com uma singela homenagem: esquecendo um t do seu sobrenome.
Xingado por Elpydio 1:02 da tarde

Powered by Blogger

 

Assis Gutenberg e Elpydio Phragoso mostram que a imprensa brasileira não evoluiu muito no último século.

E-mails educados para: assisgutenberg@bol.com.br
elpydiophragoso@yahoo.com

Arquivo Morto
current